Resumidão da Temporada

Depois do domingo do SuperBowl XLVII, dia em que a América inteira parou pra assistir a emocionante vitória do Baltimore Ravens sobre o San Francisco 49ERS, a NFL se despede do público e nós, torcedores apaixonados pelo futebol americano, começamos a amargar o longo e tedioso período da offseason.

download

Aproveitando que a bola não rola no Edward Jones Dome desde o fim da temporada regular, e atendendo à solicitação que a Rafaela Bertolini (@bertoolini) me fez via twitter, resolvi escrever um resumão do Saint Louis Rams em 2012, apontando o que deu certo e o que não deu na franquia este ano. Não vou me ater muito aos números e estatísticas (coisas que gosto muito, diga-se!), pro texto não ficar chato, e tentar fazer algo com mais emoção de torcedor.

Pra começar, não posso deixar de destacar o trabalho de Jeff Fisher à frente do time. Em seu primeiro ano com a prancheta principal dos RAMS, o mister bigode realmente deu uma cara nova pra franquia. Trabalhou intensamente com o time durante o training camp, rasgou a seda de elogios na imprensa para o QB Sam Bradford, trouxe importantes reforços consigo – entre os quais se destaca o bom cornerback Cortland Finnegan –, fez cortes cirúrgicos no roster e deixou o time redondinho pra temporada. Nestes cortes, sambaram nomes importantes como Danario Alexander, além de outros que chegaram pra reforçar, mas não mostraram serviço, como Ovie Mughelli, que vinha pra proteger as corridas de Steven Jackson, mas também foi guilhotinado na fase de cortes.300404237613994408_5MAw8NXf_b No geral, o head coach mandou muito bem com o material que tinha em mãos e pode-se dizer que obteve sucesso em sua temporada de estreia nos RAMS. Mas não fez tanto sucesso quanto seu bigode, que virou sensação entre os torcedores.

E por falar em pré-temporada, o time foi consistente durante os quatro jogos, vencendo o Kansas City Chiefs e o Baltimore Ravens, o atual campeão da NFL, e perdendo pro Dallas Cowboys e pro Indianapolis Colts (num jogo desastroso), fechando com 2-2-0.

Já quando a bola rolou pra valer, mesmo não se classificando para a pós-temporada, os RAMS foram empolgantes, principalmente jogando em casa e contra os rivais diretos de divisão (CHUPA, Seahawks!!!). Destaque para as vitórias sobre os Cardinals, que começaram a season atropelando geral e perderam a invencibilidade pra nós na quinta semana, num jogo que terminou 17 a 03. Empatamos a primeira contra os 49ERS, num jogaço que poderia terminar com a vitória pro nosso lado, não fosse uma sucessão de erros, e vencemos a outra pelo placar de 16 a 13 que quase termina empatado também. Vencemos uma e perdemos outra para o Seahawks. Se o resultado do último jogo contra as galinhas marinhas fosse outro, teríamos abocanhado uma das vagas para as finais.

Por outro lado, não posso deixar de lembrar da surra vergonhosa que levamos do New England Patriots, na terra da Rainha Elizabeth.
Tom Brady brincou na nossa defesa, que não conseguia parar um mísero avanço sequer! O marido da Giselle lançava e era certeza de first down, justamente contra uma defesa bem sólida que se refez este ano, com excelentes atuações em jogos contra os Cardinals e contra os Buccaneers, por exemplo. Coisa triste de ver! Resultado da sova: 35 a 07.

3b34a60cab27478dae759462ac7f77b9-eaa20a2b6414491e1f0f6a706700b941.r

Além disso, perdemos por 30 a 20 para o Green Bay, 23 a 6 para o Chicago Bears, 27 a 13 para o New York Jets e 36 a 22 para os Vikings. Esse retrospecto me dá a clara sensação de que, apesar de conseguirmos vencer os times pequenos e medianos, não temos uma equipe forte o suficiente no momento pra encarar os gigantes. Será que vamos ter que contar só com a sorte pra tentar chegar a um SuperBowl?

Fechamos a regular, e o ano 2012, com 7-8-1. Nada mal, se compararmos com os resultados das temporadas anteriores, mas ainda muito aquém do necessário pra figurarmos entre os times com possibilidades de finais.
Greg ZuerleinQuanto ao roster, uma coisa que chegou a preocupar foi o péssimo desempenho de Steven Jackson, mesmo com suas 1,042 jardas e 04 TDs. Muito pouco para um atleta do nível do SJ39. Seu contrato expirando e a possibilidade de saída, já afastada pelo GM Les Snead, também deixou a torcida de cabelo em pé. Sam Bradford fez sua parte, mas não brilhou, enquanto alguns bons calouros se destacaram, como Janoris Jenkins e o kicker Greg Zuerlein, que fez a bola atravessar o “Y” em longas distâncias e bateu a marca de dois field goals com mais de 56 jardas em um único jogo. Bateu até a vontade de comprar uma jersey com o número 4…

Pra fechar, entrego a “bola oval de ouro” para Danny Amendola. Mesmo sendo vítima de lesões novamente e desfalcando a equipe em jogos importantes, o camisa 16 fez bonito quando entrou em campo e foi o alvo principal de Bradford na maioria das partidas, com 63 recepções, 666 jardas e 03 TDs. O cara mostrou garra e disposição e muita vontade de jogar. Talvez com mais sorte e menos lesões, Amendola vai ser o grande nome do Saint Louis Rams na próxima temporada.

Como torcedor, gostei da atuação do time, me empolguei na frente da TV durante a temporada, e cheguei a apostar nos playoffs. Como analista, nem tanto. Muitos erros que poderiam ser evitados, principalmente o excesso de faltas cometidas pela defesa, e as falhas da OL na proteção do QB no pocket mostram que Jeff Fisher ainda tem muito o que trabalhar pra transformar a franquia do Missouri em um time competitivo de verdade.

Fechada a temporada 2012 da Liga, só nos resta aguardar pacientemente os longos e tedioso seis ou sete meses sem NFL. Enquanto isso, fique com a melhor coisa do SuperBowl XLVII.

beyonce-superbowl

1359950196675.cached

Um abraço.

Anúncios

Um comentário sobre “Resumidão da Temporada

O que achou do texto?Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s